Soldado da Paz… ou de uma guerra injusta e intolerável?

IMG_20130817_164936

Pedro Rodrigues perdeu a vida em combate. Sucumbiu durante uma guerra injusta que todos os anos assola o nosso país. Dedicou parte da sua vida a uma profissão digna que continua a ser desvalorizada por muitos. Hoje tudo vai a debate. A economia global, o desemprego, os escândalos governamentais (que tantas vezes nada têm de escandaloso), as férias dos governantes e os nascimentos reais do Reinos de fantasia. Pergunto: quantas vezes se aborda o tema dos incêndios na política, na comunicação social e até mesmo nos acérrimos debates de café? Quantas vezes se traz este debate para a opinião pública? Quase adivinho o sentimento de vergonha que vos domina quando contemplam a resposta. Só se discutem os incêndios quando estes devastam o país, trazem prejuízos materiais e tiram a vida aos verdadeiros soldados, como Pedro Rodrigues. Enquanto não mudarmos a nossa perspectiva e percebermos que os incêndios evitam-se, não se combatem, o Pedro e tantos como ele jamais serão soldados da Paz. Enfrentarão a morte diariamente como soldados de uma Guerra injusta e intolerável, combatida num Inferno terreno que teima em dominar Portugal nos meses de verão. Vi companheiros do Pedro que choravam no último adeus, enquanto alguns discutiam o corte do trânsito para dar passagem a alguém que, quem sabe, já lhes salvou a vida, a casa ou os terrenos, num verão que já passou, que já não volta. Como o Pedro, já não volta, mas jamais será esquecido. Descansa em Paz.

Ivo Rocha da Silva

Covilhã, 18 de Agosto de 2013.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s