Dame Agatha Christie

No mês passado completaram-se 34 anos do seu desaparecimento.  A literatura policial deve-lhe muito.  Obrigado por Aristide Leonides e Charles Hayward, pelo possessivo James Kennedy em “Crime Adormecido” ou pela desesperada Letitia Blacklock no fantástico “Anúncio de um crime”. Obrigado pelo Coronel Bantry e Dolly, sua mulher,  que nos deu a conhecer no nebuloso “Um Corpo na Biblioteca”.  A eterna Ariadne Oliver, escritora de policiais, e o enigmático Simeon Lee, cujo carrasco tanto me surpreendeu. Obrigado por Poirot, Miss Jane Marple e pelos Beresford. Obrigado pelos mundos que concebeu, pelos substantivos que engendrou e pelo género inconfundível que nasceu de si, para o mundo.  Uma obra literária única, na qual agora me inspiro orgulhosamente para dar vida a outros nomes, imaginar novas histórias e criar novos mundos. Obrigado! E até sempre.

 Ivo M. Silva

Um pensamento sobre “Dame Agatha Christie

  1. E decerteza que a “Roda dos vinte” vai ser uma grande homenagem a Agatha Christie e a todos os amantes de grandes policiais!

    Conseguiste meu bem!❤
    Estas de parabens!

    "You gonna live forever, hey remember my name."

    Um beijinho muito especial para voce

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s